Compartilhe

“Conta COVID”: Aumento na conta de energia para Dezembro 2020

Como se já não bastassem todos os problemas e prejuízos que a COVID-19 trouxe, o brasileiro, recentemente, está vivendo com mais uma péssima notícia: no dia 30/11, a Aneel comunicou que existiria um aumento na conta de energia.

Isso ocorreu devido ao acionamento das Bandeiras Tarifárias – da qual passou a ser vermelha após o anúncio. Esse anúncio veio na contramão do que o próprio órgão havia anunciado até então: de manter a bandeira verde até o final de dezembro.

Entretanto, os níveis dos rios que abastecem as hidrelétricas e o crescente consumo, fizeram com que a decisão inicial fosse revogada. Agora, o custo para cada 100 kWh consumidos, passou a R$6,24.

E o que posso fazer para reduzir o impacto do aumento na conta de energia?

A energia brasileira está entre as top 50 de conta de energia mais altas do mundo. Isso, com certeza pesa e muito no bolso de todos: o consumidor residencial sente, mas, principalmente os estabelecimentos comerciais e empresariais, que sofrem com o alto custo.

Leia também: Os cuidados que você precisa ter com o sistema de Energia Solar

Visto esse momento, é fundamental que nesse momento de alta, se economize o máximo possível de água e energia. Abaixo, separamos algumas dicas de como conseguir minimizar os impactos do aumento na conta de energia:

Cuidado com os aparelhos e eletrodomésticos:

  • Separe as torres frias (geladeiras/freezers) das torres quentes (fogão, micro-ondas, forno). Deixá-los perto sobrecarrega principalmente os de resfriamento, aumentando seu consumo de energia;
  • Cuidado com a abertura frequente da geladeira/freezer e não o deixe muito tempo aberto, especialmente nos dias quentes. Isso faz com que o aparelho puxe mais energia para resfriar.
  • Descongele periodicamente o freezer, conforme recomendação ou acúmulo de gelo;
  • Ao ficar longos períodos fora do local, desligue o freezer e coloque a geladeira no modo mínimo.
  • Ao utilizar ar-condicionado: mantenha a manutenção e limpeza em dia, faça a instalação correta e feche os ambientes ao utilizá-lo. Desligue assim que sair do local.
  • Máquinas de lavar: junte sempre o máximo de roupas para uma lavagem só e se atente à quantidade recomendada de produtos, para não ter que enxaguar mais.
  • Deixe os aparelhos de televisão, som e o que for possível, desligados da tomada. O modo standby consome energia também.

Leia também: Conheça as melhores regiões do Brasil para produzir energia fotovoltaica

Iluminação ambiente

  • Opte sempre pelas lâmpadas “frias” ou de LED. Além de serem mais econômicas, você pode escolher a potência certa para cada ambiente.
  • Não deixe a luz de um ambiente acesa, se não estiver lá.
  • De dia, opte pela luz natural, utilize a artificial apenas quando já estiver escuro;
  • Pinturas com cores mais claras refletem mais a luz e economizam na iluminação artificial.

Banheiros:

  • Os chuveiros são vilões da conta de energia e de água. Ligue apenas quando for utilizar no banho;
  • Desligue o chuveiro enquanto se ensaboa, isso ajuda a evitar desperdícios;
  • Nos dias mais quentes, regule a temperatura do seu chuveiro ou aquecedor elétrico, evitando puxar muita energia;
  • Para secadores, chapinhas e demais utensílios: evite usar com frequência e deixe-o na tomada apenas enquanto utiliza efetivamente.

Fique atento aos desperdícios e mapeie possíveis problemas que geram essa situação

Muitas vezes, o consumo de energia está alto devido a esses pontos que mencionamos acima. Aparentemente, são isolados e inofensivos, mas, ao final do mês geram um baita prejuízo, especialmente frente ao momento que vivemos.

Além desses vazamentos, existe mais um ponto que deve ter sua atenção. Muitas vezes, a fiação elétrica do imóvel pode estar antiga ou com problemas.

Isso também gera uma sobrecarga, consome mais energia e ainda traz perigos graves – como curtos e incêndios. Ter atenção, disciplina e policiar esses itens, vai te ajudar a conter os impactos do aumento na conta de energia.

E você, o que acha desse tema? Conte para a gente aqui nos comentários e, se souber de mais alguma dica, compartilhe com outros leitores!

Por Dinamica energia